EVANGELHO NO LAR

O QUE É EVANGELHO NO LAR?

É uma reunião da família, sob o amparo de Jesus!

PRINCIPAIS OBJETIVOS DO

EVANGELHO NO LAR:

 

1) Tornar o Evangelho melhor compreendido, sentido e exemplificado;

2) Criar no lar o hábito de reuniões evangélicas de modo a acentuar o sentimento de fraternidade;

3) Unir a família numa vivência cristã;

4) Higienizar o lar com pensamentos e sentimentos elevados, facilitando a influência dos Mensageiros do Bem; e

5) Elevar o padrão vibratório no ambiente familiar, repercutindo no trabalho e nos grupos sociais.

ROTEIRO PARA REALIZAÇÃO DO EVANGELHO NO LAR:

1) Escolher um dia da semana e um horário para realizar o Evangelho no Lar. Fazer a reunião semanalmente, respeitando sempre o dia e horário para facilitar a assistência espiritual;

2) Meia hora antes da reunião, evitar idéias, discussões, programas de rádio e TV perturbadores;

3) Escolher um cômodo mais tranquilo da casa e que melhor acomode todos os participantes;

4) Iniciar a reunião com uma prece simples e espontânea;

5) Fazer a leitura de um trecho do Evangelho, sempre numa sequência;

6) Tecer comentários sobre o trecho lido. Todos os que desejarem, podem fazer comentários;

7) Além do Evangelho Segundo o Espiritismo, trechos de outros livros edificantes podem ser lidos; e

8) Fazer vibrações para: a Paz na Terra; o entendimento fraternal em todos os lares; a cura e melhoria dos enfermos, do corpo e da alma; e os membros da família onde está ocorrendo a reunião, seus parentes e amigos.

OBSERVAÇÕES:

1) Pode-se colocar água filtrada para ser fluidificada e bebida pelos presentes, logo após o término da reunião;

2) A reunião pode ser dirigida por qualquer membro da família; e

3) Recomenda-se a realização do Evangelho mesmo quando presente apenas uma pessoa.

SUGESTÕES:

1) Fazer vibrações especiais para situações concretas e que preocupam os presentes e a sociedade;

2) Acautelar para não transformar a reunião em trabalho mediúnico;

3) Evitar comentários negativos a religiões e a pessoas;

4) Não suspender a realização da reunião em virtude de visitas, passeios adiáveis ou acontecimentos fúteis;

5) A duração da reunião deverá ser de vinte a trinta minutos; 

6) No caso de haver crianças na reunião os pais devem incentivar a participação, colaborando nas preces, nos comentários e com perguntas; e

7) Essas reuniões devem ser agradáveis, despertando em todos o interesse e o prazer pelos ensinamentos de Jesus.

FAÇA FLORESCER A PAZ EM SEU LAR